Wikia

SporeWiki

Planeta

Discussão0
568 pages em
Este wiki
Planeta

Um planeta T1 no Estágio Espacial.

Planetas são corpos de aparência aproximadamente redonda que giram em torno de si e orbitam uma estrela. É nos planetas onde se forma a vida, por isso eles são extremamente importantes no Spore. Eles têm uma enorme variedade de elementos e organismos que podem ser encontrados em sua superfície, tais como ar, água, lava, terra, rocha, nuvens, relâmpagos, gelo, plantas, animais etc. No caso de haver espécies inteligentes, há tribos, cidades, fontes de especiarias, veículos, colônias, naves, entre muitas outras coisas.

Classificação de planetasEditar

Quanto ao nível TEditar

Pode-se classificar os planetas por nível T medindo suas condições de ecossistema e probabilidade de vida. São quatro os níveis:

  • Planetas T0: planetas com níveis de atmosfera e temperatura ao extremo (muito frios ou quentes) e/ou com atmosfera muito densa ou seca. Essas condições ecológicas tornam impossível a formação de vida. Pode-se construir uma única colônia nesses planetas, porém ela terá um grande escudo de plasma (de cor rosa) para protegê-la de gases perigosos e estabilizar sua temperatura interna; além disso ela só abrigará uma prefeitura e poucos habitantes e não poderá produzir especiaria, pois não será possível construir fábricas. Os planetas T0 são os mais comuns na galáxia e os únicos onde os Grox podem viver, diferente de todas as outras espécies.
  • Planetas T1: planetas com níveis de atmosfera e temperatura suficientes para abrigar algumas formas de vida. Neles, podem viver até uma espécie de planta de cada tamanho (pequena, média e grande), duas espécies de animais herbívoros e uma espécie de carnívoro ou onívoro. Eles não podem abrigar mais de uma colônia, porém em oposição aos planetas T0, é possível adicionar mais estruturas à colônia além de sua prefeitura, como por exemplo fábricas (o que permitirá a produção de especiaria). Há casos, mais incomuns, em que planetas de nível T1 não possuem especiarias e portanto não podem ser colonizados.
  • Planetas T2: planetas com níveis de atmosfera e temperatura bons, mas não perfeitos. São capazes de abrigar duas espécies de plantas de cada tipo (pequena, média e grande), quatro espécies de animais herbívoros e duas de carnívoro ou onívoro. Podem suportar até duas colônias, cada uma com um número maior de estruturas. Produzem especiarias mais rapidamente, dependendo do número de fábricas.
  • Planetas T3: planetas com níveis de atmosfera e temperatura perfeitos para abrigarem o máximo possível de formas de vida. Podem abrigar três espécies de plantas de cada tipo (pequena, média e grande), seis espécies de herbívoros e três de carnívoro ou onívoro. Podem abrigar até três colônias, todas com o máximo número de estruturas. Se uma colônia está totalmente cheia (com todos os tipos de estruturas e todas as torres), fica extremamente poderosa e produz especiaria muito rápido.

Quanto ao tipoEditar

Os planetas também podem ser classificados também em tipos, que variam bastante.

  • Planetas colonizados - são planetas que já possuem uma espécie inteligente vivendo nele. Não é possível estabelecer colônias nestes planetas e em todos os outros do mesmo sistema estelar, há menos que todas as formas de vida inteligente sejam erradicadas. Podem ser planetas de qualquer nível T, embora somente civilizações espaciais podem colonizar um planeta T0.
  • Planeta selvagem - são planetas de nível T1 em diante, sem nenhuma espécie inteligente vivendo nele. São bastante úteis no Estágio Espacial, já que podem ser usados para estabelecer colônias ou extrair espécies de plantas e animais para terraformar outros planetas.
  • Planeta estéril - são planetas de nível T0 desabitados (sem nenhuma colônia), que podem servir para colonizar.
  • Gigante gasoso - são planetas muito grandes formados por gases considerados perigosos. Não podem ser explorados nem colonizados, não possuem nível T definido e não produzem, normalmente, nenhum tipo de especiaria. Em alguns casos eles possuem luas girando em torno deles, que na maioria das vezes são de nível T0.
  • Planeta cúbico - Existe 2 tipos: O Normal e o Inverso. Os normais são planetas T0 com especiaria azul e 8 Pontas com 8 istmos que ligam-as. Os Inversos, planetas raros T1, têm muita pouca água e a mesma especiaria, mas como possuem suporte de vida T1 é possivel exportar a especiaria do planeta.
  • Planeta aquático - São planetas de nível T1 em diante, porém sem formações de terra grandes, são formados apenas por pequenas ilhas, e contêm especiaria. Ainda é possível colonizá-los, porém o pacote de colonização sempre aumentará o espaço de terra.
  • Lua - são satélites naturais, geralmente de nível T0, que giram em torno de planetas, geralmente de gigantes gasosos. São menores que os demais planetas.
  • Planeta de Contos de Fada - são planetas muito raros, que possuem formações com formato de objetos (semelhante às Ferramentas de Modelagem Planetária). Ao encontrá-los o jogador recebe o emblema Andarilho da Terra da Fantasia.

Perigos naturaisEditar

Os planetas, principalmente os de nível T0, possuem muitos tipos de perigos, dependendo de suas condições de temperatura e atmosfera. Aqui listam-se os principais perigos de acordo com as condições do planeta:

Planetas de alta tempetaturaEditar

  • Jatos de fogo do solo
  • Jatos de pedra
  • Chuvas de meteoro

Planetas de baixa temperaturaEditar

  • Jatos de gelo
  • Jatos de pedra

Planetas de atmosfera densaEditar

  • Tempestade de raios

Rede da Wikia

Wiki Aleatória